• EN
  • PT
  • 2020.08.13

    Quais são os 3 pilares de uma marca?

    Quando pensamos em grandes marcas, automaticamente lembramos de algum slogan, jingle ou campanha que nos marcou. Não precisa ir muito longe, marcas como Apple, McDonald’s e Coca-Cola estão fixas na nossa mente e o que construiu isso, além de anos de história, foi uma boa gestão de branding.

     

    A construção de uma marca pode ser comparada com a construção de uma pirâmide de cartas, pense que você está construindo uma, e então, coloca uma carta de forma errada e a pirâmide inteira cai. A carta que derrubou a estrutura pode ser o seu modelo de negócio e a estratégia de branding se feitos incorretamente.

    O modelo de negócio e a estratégia de branding que você escolher é a carta principal do seu baralho. É preciso saber como adaptar essas técnicas para que o seu negócio não desmorone como uma pirâmide de cartas!

    Quer saber como fazer isso? Confira a seguir os 3 pilares que uma boa gestão de branding precisa e que podem definir o seu modelo de negócios.

    1- Pense diferente, sempre!

     

    Todas as grandes marcas buscam se destacar de seus concorrentes, sempre. Não apenas por causa de slogans e jingles, mas porque elas compreendem que se destacar as tornam diferentes e isso lhes dá uma vantagem única no mercado. Este é um elemento importantíssimo na definição de qualquer estratégia de marca, se diferenciar é essencial.

     

    Um dos primeiros passos para executar um planejamento eficiente é construir uma análise aprofundada e competitiva. A parte de pesquisa é essencial para essa etapa, nela, a agência pesquisará os concorrentes, as forças e as fraquezas do negócio. Essa pesquisa resultará em uma matriz SWOT, que analisa as forças, fraquezas oportunidades e ameaças.

     

    Os benefícios em fazer uma análise SWOT é que se ela é feita corretamente, a agência e a empresa poderão ver claramente os principais pontos a serem explorados e como tirar vantagem deles corretamente

    SWOT ANALYSIS BY BOSTON DIGITAL

    Um exemplo de estratégia de branding a partir de uma análise SWOT pode ser a empresa começar a não apenas investir, mas trabalhar realmente nos canais de marketing disponíveis e que mais se encaixem com o seu perfil.

     

    Esses canais são como as vozes da sua empresa e é através deles que as pessoas são atraídas e podem se tornar novos clientes.
    Apesar de canais digitais como as redes serem o pensamento mais óbvio, mas é necessário ir além. É importante não apenas oferecer suporte, mas também monitorar os clientes, ou seja, buscar entender as suas intenções e interações com a sua marca.

     

    Dessa forma, a presença da sua empresa nos canais corretos se tornará cada vez mais orgânica.

    2- Tenha e mantenha o seu propósito

     

    Um proposito é para sempre, e se você pesquisar por modelos de estratégia de marca no Google, encontrará artigos em blogs falando sobre a importância de incluir no seu branding a “promessa da marca”. É importante ressaltar que o propósito da marca deve sempre estar alinhada aos diferenciais, e assim sendo, construindo a sua promessa sem erros.

     

    O mundo mudou e com ele as formas de consumir também. As marcas mais renomadas e que são referências quando falando de branding entenderam isso e adicionaram nas suas estratégias, um modelo de finalidade de marca, ou seja, o seu proposito e o que ela quer passar a você além de seus produtos.

     

    Isso pode ser desenvolvido de formas diversas, como focar em propósitos de sustentabilidade, diversidade, equidade social, experiencias etc. O proposito e a finalidade devem caminhar juntos e simultaneamente.

    3- Conheça o seu público a fundo

     

    Depois de entender melhor alguns aspectos que ajudam a construir uma estratégia de branding eficaz, chegamos ao último, mas não menos importante ponto do nosso post, entender melhor a importância das personas.

     

    Os seus diferenciais e propósitos não terão sentido se você não os divulgar de forma eficaz ao seu público-alvo. Uma marca deve divulgar seus produtos ou serviços da forma mais assertiva o possível, ela deve buscar resolver os problemas ou necessidades e desejos das suas personas. E para isso, a equipe deve conhecer bem essas personas.

     

    Personas são perfis detalhados de possíveis clientes. Nesses perfis você encontra dados sociais, demográficos e psicológicos que guiam a empresa a fazer campanhas mais assertivas com quem possivelmente será positivamente impactado por elas.
    A construção de personas ajuda a entender e afunilar o público-alvo, deixando as futuras campanhas mais eficazes quando falamos em vendas.

    A estratégia de branding de uma marca é um dos passos mais importantes quando a empresa deseja ter destaque no mercado. A estratégia é como o DNA da marca. A estratégia é uma semente que pode resultar em uma grande e frutífera árvore!


    Você quer desenvolver a estratégia ideal para a sua marca? Ou você deseja atualizar a sua estratégia já existente? Entre em contato conosco e vamos conversar sobre as próximas etapas do sucesso da sua empresa!

    Prev Post

    No comments

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


    We Transform Things.

    Start your project today